Aqui não tem problema em usar aquela capa!

Gamer Vocacional 15: Ser Super ou Super-herói?

Heróis. Super ou comuns, usando equipamentos, sendo mutantes, usando armaduras, poderes e tudo o que você puder pensar e imaginar. Se você gosta disso e quer se tornar um, seus problemas acabaram! Eu sou o Rodrigo Naga e este Gamer Vocacional é para você que deseja ser um Campeão ou morar em uma Cidade de Herois!

Como falamos na segunda parte do cast de quadrinhos! – ouça aqui! – Eu estive jogando dois jogos para falar sobre a profissão de Super Heroi. A parte boa é que estamos falando de jogos grátis e que você pode usar quase qualquer tipo de maquina para roda-los porque eles são relativamente leves. Vamos começar falando um pouco sobre a Cidade de Herois, ou City of Heroes pra quem preferir…

 

city of heroes
city of heroes

 

Lançado em Abril de 2004 pela NCSoft, este jogo inicialmente permitia que você apenas jogasse com super-heróis, na incrível cidade Paragon. Um MMORPG que pela primeira vez criava super-heróis de verdade muito similares aos dos quadrinhos, tanto que no inicio do jogo em si, se você quiser descobre o que está acontecendo em Paragon em uma historia em quadrinhos.

Logo depois, em outubro de 2005, foi lançado a Cidade dos Vilões – City of Villains pra quem quiser saber – que permitia que os jogadores pela primeira vez jogassem como vilões. Passava-se na incrível Ilha dos Ladrões. Com dois jogos um sobre heróis e outro sobre vilões é claro que aconteceu aquilo que os jogadores da época sempre quiseram, um método PvP onde os heróis e vilões se enfrentavam ou protegiam a cidade. Ainda tivemos a expansão City of Heroes: Going Rouge, que permitia mudar o alinhamento dos heróis e vilões.

 

Heroi ou Vilão? Escolha seu lado!
Heroi ou Vilão? Escolha seu lado!

 

Hoje você não precisa mais comprar City of Heroes ou Villains,  transformou-se em um jogo gratuito, City of Heroes Freedom, que trabalha com assinatura e micro transações, mas vamos ao mais importante o jogo!

 

[yframe url=’http://www.youtube.com/watch?v=FM0m8ZatwqE’]

 

Logo de cara você vai começar escolhendo uma Origem: Nautral, Magica, Tecnologica, Mutação ou Cientifica; depois como você vai querer jogar: Combatente Corpo a Corpo, A Distancia, Controle de Multidões, Com Pets , Suporte ou ainda como um Tank. A seguir um arquétipo para cada modo vai ser mostrado para que você veja o qual se enquadra melhor na sua jogailidade. Logo depois disso escolherá os seu Poderes Primarios e Secundarios, medida do corpo e por fim vai para seu uniforme.

Aqui você pode perder horas antes mesmo de jogar, porque todo mundo sabe que o primeiro poder que todo super-herói ganha é o poder de supercostura! De roupas a armas, passando por todos os detalhes que você achar que seu personagem deve ter. Logo depois disso voc~e registra e é jogado em um pequeno tutorial para aprender e escolher se vai ser um Heroi ou um Vilão! Inicialmente pode parecer confuso algumas mecânicas, mas nada que 15 minutos de jogatina não resolvam para você.

 

Como você prefere seu uniforme?
Como você prefere seu uniforme?

 

Aqui temos de tudo: Inimigos alienígenas, infestação de pragas, monstros, umbis criados por cientistas malignos, com direito de inimigos gigantes! Sem contar que sua movimentação também é bem variada, supervelocidade, voo, levitação entre  outras surpresas que o jogo te traz. O legal é que as atualizações do jogo são feitas em capítulos, como uma historia em quadrinhos na data que este artigo foi pro ar estamos no capitulo 21: Convergence, dá uma olhada no trailer ai embaixo!

 

[yframe url=’http://www.youtube.com/watch?v=VSULtCXaMvg’]

 

Nesta edição não teremos menções honrosas porque vamos trazer mais dois jogos neste estilo, afinal uma boa historia em quadrinhos precisar dar um gancho legal! Este foi mais um Gamer Vocacional, que teve parado por essas duas semanas para avaliar algumas coisas e moldes da coluna, então se você quiser dar uma sugestão, fazer uma critia, conte para nós o que você acha que está bom ou ruim, aqui nos comentários, nos e-mails, via twitter ou ainda na nossa pagina do Facebook! Aqui é o Rodrigo naga dizendo até a segunda parte!

Compartilhe a Cidade

Post Author: Rodrigo Naga

Jogador Old school, casado com uma gamer casual e dono de um gato hardcore! Atualmente na secretaria do trabalho da Cidade Gamer