Jogos em FMV

FMV ou Full Motion Video, era uma técnica de design de jogos onde eram utilizados cenas filmadas com atores reais ou desenhos animados. O FMV começou a se tornar viável (tecnicamente falando) com a chegada dos Laser Discs e um dos maiores sucessos foi Dragon’s Lair, inicialmente lançado para arcade. Os jogos em FMV realmente se tornaram populares com a chegada do CD aos video games, nesta época (década de 1990) os consoles possuíam gráficos bastante simples e uma das maneiras encontradas para melhorá-los, foi a utilização de jogos em FMV (na verdade a indústria não melhorou os gráficos, mas simplesmente encontrou outro modo de desenvolvê-los). Consoles como o Sega CD e o 3DO,  possuíam vários games que utilizavam esta técnica.

Trailer e imagens de bastidores de Phantasmagoria

Aparentemente a ideia de se utilizar filmagens de atores reais ou desenhos animados, pareciam interessantes do ponto de vista gráfico, ou seja, nenhum gráfico gerado em computador poderia ser mais real do que uma filmagem ou superar a qualidade que um desenho animado, mas o que parecia uma jogada de mestre, se mostrou um grande fracasso na indústria de games. Acontece que por se tratar de imagens pré-gravadas, o jogador não possuía muita liberdade em suas ações, ficando assim, preso as ideias e imagens escolhidas pelo diretor do game.

Dragon’s Lair, bonito e difícil

Chegou -se ao ponto de vários possuírem “setas” que mostravam ao jogador qual movimento ele deveria fazer, ou qual botão deveria apertar, mais tarde estas dicas receberia o nome de “quick time events”. Nestes jogos não era necessário muito raciocínio, bastava ter habilidade motora e pensamento rápido, já que era necessário apenas escolher para qual lado direcionar o personagem ou qual botão apertar, tudo isto da maneira mais rápida possível. Mas os FMV de pensamento rápido, logo deram espaço para uma outra geração de jogos, que utilizavam as mesmas técnicas, mas que não necessitavam de raciocínio tão rápido. Mas é importante salientar que os FMV “rápidos” não morreram completamente, por se tratarem de jogos mais simples e que não requerem muito processamento, ainda hoje eles podem ser jogados em aparelhos de DVD ou mesmo Blu-Ray.

Mad Dog McCree, um clássico da época: “pense rápido ou morra.

Jogos que não precisavam mais do pensamento rápido foram aparecendo cada vez mais, alguns deles possuíam várias “caminhos” que o jogador poderia seguir de acordo com suas escolhas, em outros era possível acompanhar vários ambientes de uma casa em tempo real e escolhendo qual deles olhar, etc, estas características melhoraram em muito a falta de liberdade que o jogador tinha. Phantasmagoria é um grande exemplo disto, atores reais foram filmados, misturados com elementos digitais e tudo isto com o propósito de criar um adventure “real”.

Em alguns FMV, a velocidade foi deixada de lado.

Ainda bem que a capacidade dos video games se tornou suficientemente alta para que a técnica de FMV fosse abandonada, ou então hoje, seríamos meros apertadores de botões sem qualquer tipo de raciocínio.

Compartilhe a Cidade

Post Author: Vinicius Maciel

Joga video game desde a época que a palavra "ergonomia" não existia no dicionário dos designers de joystick !