Museu Gamer – Golden Axe

Golden Axe, um dos maiores clássicos de todos os tempos, foi produzido pela SEGA e se tornou um sucesso imediato assim que chegou aos arcades em maio de 1989.

A história não poderia ser mais simples e uma frase basta para defini-la: “três pessoas totalmente diferentes, unirão suas forças em busca de vingança.” Claro que o plot do jogo é melhor definido logo no início do mesmo, ela conta que Death Adder capturou o rei, sua filha e encontrou o “Machado Dourado”, arma símbolo do reino e caso a caso a população não o aceite como seu novo governante ele irá matar a família real e destruir o machado.

Durante a jornada em busca de vingança, o jogador pode escolher entre três personagens: Gilius Thunderhead (O anão), Tyris Flare (A amazona) e Ax Battler (O bárbaro), na prática, a única diferença entre eles são as magias que cada um pode utilizar. Gilius possuem magia relacionada com raios, Tyris relacionada ao fogo e Ax tinha o poder de invocar o poder da terra. Nem é preciso dizer que estes poderes destruíam tudo que estivesse na tela.

Uma das grandes virtudes que fizeram Goden Axe um sucesso, foi sua jogabilidade simples, porém refinada, era possível correr, saltar, golpear no ar, agarrar o inimigo, soltar magias e principalmente, utilizar animais como montaria e aproveitar seus dotes naturais. Alguns destes animais podiam golpear os inimigos usando o rabo ou então soltar fogo pela boca, ambas as técnicas eram bem eficientes. Outra característica marcante da série são os duendes que roubam as magias dos personagens durante a noite, era preciso acordar e tomar tudo de volta.

Após os sucesso do primeiro jogo, não iria demorar para que continuações surgissem, elas são:

Golden Axe 2 era exclusivo para Mega Drive e foi lançado em 1991. Em 1992 chega aos arcades Golden Axe: The Revenge of Death e naquele mesmo ano o Mega Drive receberia outro exclusivo, desta vez era a vez de Golden Axe 3. Finalmente em 2006, chegou ao Xbox 360 e PS3 o fraquíssimo e “destruído” pelas críticas negativas, Golden Axe: Beast Rider. Ao longo de toda sua existência, a série recebeu uma dezena de jogos “spin-off”, mas nenhum jogo, seja da série principal ou spin-off, conseguiu chegar ao pés do sucesso que o primeiro jogo obteve.

Post Author: Vinicius Maciel

Joga video game desde a época que a palavra "ergonomia" não existia no dicionário dos designers de joystick !