🎮 Cidade Gamer 257: Overworld – Lançamento do Nintendo Switch

  1. Lançamento do Nintendo Switch Overworld

Sejam bem vindos moradores pixelados da nossa querida Cidade Gamer, no programa de hoje vamos falar do evento de lançamento e das notícias sobre o próximo console da Nintendo, o Switch.

Para uma análise mais aprofundada do lançamento, reações da imprensa e a opinião dos gamers, contamos com Jonny Miopia e o Prefeito Vivacqua.

Apoie o Padrim da Cidade Gamer

 

Beer of War
Beer of War

Siga no Twitter:

Comentados no Programa:
 Redes Sociais da Cidade Gamer:

Coisas boas da Cidade Gamer:

Canecas da The Magic Box

Gostou do nosso podcast? Já conhecia nosso podcast? Já conhecia essas histórias? Não deixe de contar a sua! Adoramos receber emails, e todos aqueles que escrevem são nossos moradores pixelados. Deixe seu recado, opinião e crítica em nosso email, escreva para: podcast@cidadegamer.com.br

Comments

comments

  • Rubens Mateus Padoveze

    Eu discordo de vocês acho que o 123 vai vender bem para o publico geral, também preferia que já viesse, mas talvez alguns comprem só ele por isso de vir separado. Espero que o armes seja muito bom mesmo. E que a previsão de vocês de ser uma super plataforma de luta se concretize. E venha ainda mais!

  • Diogo Lopes Bastos

    Foi uma bela analise sobre o Nintendo Switch sinceramente não estava muito animado quando o console foi anunciado, tanto que me foco nesse seria pegar o Xone ou Playstation 4, mas após o primeiro vídeo gostei da idéia que foi apresentada, principalmente pelos cartuchos e a facilidade que se tem para leva-lo a qualquer lugar, algo que aqui no Brasil não pode acontecer.
    Os primeiros games mostrado me chamaram a atenção, principalmente o ressuscitado o Bomberman, espero que tragam clássicos como Metroid e novidades como Bayonetta 3.
    Com a empresa considerando voltar ao Brasil traz coisas boas e ruins ao mesmo tempo, teremos o console e games disponíveis nas lojas e fáceis de se encontrar, mas as mesma vão colocar um preço bem alto nos produtos da Nintendo, o jeito vai ser esperar um tempo para adquiri-lo.

  • Michael Pereira

    A questão do App de chat, deve ser por causa do modo Híbrido do console. ex: vc jogando Splatoon 2 em modo portátil ,seria bem fácil plugar o fone no Switch,sem problemas certo?Nem tanto.Vamos supor que você prefira jogar na TV em uma tela maior, se vc mudar para o Dock, vc perderia o alcance do fone/headset com fio, tendo que ficar quase grudado ao lado do Dock para o alcance do fio.
    Claro que a Nintendo poderia incluir um Headset Bluetooth no Bundle, mas isso fugiria dá proposta de preço do Console. Então suponho que seja essa a solução que a Nintendo arranjou. É a ideal?, Não. Ela poderia incluir a função no próprio Switch?, Provavelmente.
    Minha teoria em relação a isso, é devido a mensagem que a empresa quer passar, evitando a confusão na comunicação com o comprador. Esse é um dos pontos que suponho serem o motivo que ainda não anunciaram o Mario Maker, que provavelmente seria jogável somente em modo portátil, mas isso causaria confusão na mensagem,levantando dúvidas durante a revelação do console, pelo menos por agora. Mas acredito que mais para frente com o público já com o aparelho em mãos, eles consigam passar essas informações de maneira mais natural.
    Meu jogo preferido dá apresentação, (Tirando o Zelda, pq né…),foi o ARMS, que pareceu extremamente divertido, e vc ainda pode jogar com o controle normal se quiser.

    • Rubens Mateus Padoveze

      interessante sua posição, eu já pensei em liberar memoria do console, bateria e pq hoje em dia quase todo mundo tem celular, ai ficar mais fácil compartilhar quase qualquer cosia e fica bem mais fácil digitar (afinal como vc mesmo disse a tela fica no dock tem horas). Também gostei do arms.