Quanto vale um troféu (ou achievement)?

Mereço sofrer tanto para registrar o sucesso nesse desafio específico?  

Olá, meu querido (ou querida) hardcore gamer.

Hoje é dia de compartilhar uma angústia atual: a conquista dos troféus ou achievements.

O momento da discórdia

Tudo começou com a decisão de platinar o Resident Evil 4, relançado em HD para o Playstation 3. São apenas 12 conquistas, e decidi terminar o game para habilitar o modo mais difícil e voltar para o verdadeiro desafio. Um troféu em específico tomou muito tempo, mas quando descobri o que fazer, se mostrou estupidamente fácil. Com esse estalo para a possível perda de tempo, decidi pesquisar.

O lado obscuro do gamer

Fuçando em fóruns específicos é possível perceber que existem muitos caçadores de conquistas nessa geração PS3 e Xbox. Eles listam os desafios e compartilham as melhores estratégias. É um aprendizado interessante vencer o desafio proposto pelo game e depois ler como outros gamers conseguiram o mesmo resultado. Vale a máxima de que muitos caminhos podem levar ao mesmo lugar.

A conquista que pula na sua tela durante o game, quando associada à um desafio relevante, é estimulante por si própria. Representa uma vitória pessoal no longo caminho para terminar o game com 100%, mas será que vale à pena?

Vida social, para quê?!

Vamos deixar claro: obter todas as conquistas de um jogo toma tempo, muito tempo. Durante a busca de informações para esse texto pude perceber que muitos gamers deixam de lado a história para se concentrar apenas em terminar o jogo com todas as conquistas, resultando em gamer garimpeiro que pode acabar perdendo toda a beleza do jogo em si.

Vale lembrar que cada conquista registrada no seu perfil é gratificante, ainda mais quando aparece um 100% mostrando que você fez tudo que havia para ser feito no jogo. Talvez seja difícil definir se vale ou não tanta dedicação, mas acredito que cada gamer deve jogar da forma que mais tenha prazer. Conheço pessoas que só consideram que terminaram um game quando obtêm 100%, enquanto outras se contentam em terminar a história. De qualquer forma, o importante é lembrar que para nós, videogame é coisa séria.

@brunnoelias define o trófeu Do Not Shoot The Water de RE4 como o mais idiota do PS3.

Compartilhe a Cidade

Post Author: Cidade Gamer

Sua Morada Pixelada, podcasts de games, vídeos, colunas, matérias textos, notícias e muito bom humor!