Por que você deve assistir a Guardiões da Galáxia?

Logo_BR_GOTG

Semana passada, o Prefeito Vivacqua e eu tivemos oportunidade de participar da cabine de imprensa do filme. E todos os nossos conhecidos e ouvintes queriam saber: o filme é bom? É melhor que Vingadores? É melhor que Thor? Então, decidi que era a hora de dizer o porque de vocês assistirem a Guardiões da Galáxia!

first_GOTG
Esse é grupo adverso, formado “sem querer” durante o filme: Gamora, Starlord, Rocket, Drax O Destruidor e Groot

Criados por Arnold Drake e Gene Colan, os Guardiões da Galáxia “originais” foram apresentados em 1969 como uma equipe de heróis do século 31 — cada integrante é o último de sua espécie. A equipe no qual se baseia o filme é a segunda a ser apresentada com este nome, e apareceu pela primeira vez em Guardians of the Galaxy (volume 2), edição no.1, em maio de 2008. Dan Abnett e Andy Lanning criaram a nova equipe, cujos primeiros Guardiões eram: Senhor das Estrelas, Rocky Racoon, Quasar, Adam Warlock, Gamora, Drax o Destruidor e Groot.

gotg-lede
As três gerações dos Guardiões (Tony Stark faz parte atualmente)

E como é no filme? O aventureiro Peter Quill (Starlord) se vê como o objeto de uma caçada implacável após roubar uma misteriosa esfera cobiçada por Ronan, O acusador. Para fugir, Quill é forçado a fazer uma complicada aliança com um grupo de desajustados — Rocket, um guaxinim geneticamente modificado e ciberneticamente aprimorado; Groot, uma árvore humanoide; Gamora, assassina particular de Thanos e o vingador nada sútil Drax, o Destruidor. Mas quando Quill descobre o verdadeiro poder da esfera e o perigo que ela representa, ele deve fazer o melhor que pode para reunir seu grupo desorganizado para uma última e desesperada resistência — com o destino da galáxia em jogo.

Starlord-special_1-fc
O Starlord original era bem diferente do filme

A idéia da Marvel Films era de formar um novo super grupo de heróis, calcado mais na ficção científica e no humor, e expandir o universo cinematográfico até as galáxias, literalmente. Nesse ponto, o filme acerta e muito bem, dados momentos temos a sensação de estar assistindo a um novo Star Wars! Guerra de naves, raças alienígenas, duelo de espadas… está tudo ali, fazendo todo nerd (de quadrinhos ou não) vibrar de alegria. James Gunn consegue, a seu modo, mesclar elementos marcados de seus filmes  com a ação desenfreada que esse grupo merece. E nos entrega um dos melhores filmes da Marvel até agora (empata com Capitão América 2).

Groot_large_verge_medium_landscape
Groot, a surpresa do filme

E não podemos esquecer da excelente trilha sonora do filme, com hits dos anos 70 e 80. São as únicas recordações que Peter tem da terra. E é uma seleção excelente, me senti em um filme do Tarantino (musicalmente falando) pois todas as musicas são fantásticas. E magistralmente recebem o nome de Awesome Mix Vol.1. Sério, comprem a OST no ITunes, vale os 7 obams gastos XD

GOGAMT

O filme ganha o telespectador nos primeiros minutos. Ver esse grupo peculiar, cada um com sua particularidade se aguentando e se entendo,  formando o mote de que nos protegerá de tudo que nos desconhecemos do universo, é hilário. E nada melhor do que um guaxinim de trabuco e uma árvore bizarra que só fala três frases protagonizarem as melhores cenas do filme, tanto as de humor como as raríssimas cenas dramáticas. E é nisso que o filme acerta: ele é galhofa, e não se leva a sério em qualquer minuto. Por isso é imperdível, para fãs e não fãs de quadrinhos ou cinema XD. Vale cada centavo, e nem precisa ser a versão 3D IMAX, totalmente dispensável.

Fica a dica para assistirem, e não se esqueçam da cena pós crédito, que provavelmente fará uma ligação ao vindouro Vingadores 2. (não houve cena pós crédito na cabine de imprensa).

Guardiões da Galáxia estréia dia 31 de julho.

Compartilhe a Cidade

Post Author: Cidade Gamer

Sua Morada Pixelada, podcasts de games, vídeos, colunas, matérias textos, notícias e muito bom humor!