🍻 Happy Hour: Snake Pass

Sejam bem vindos moradores pixelados da nossa querida Cidade Gamer, hoje no nosso podcast de resenhas vamos falar de um jogo que está chamando muita no gênero de plataforma/puzzle e que saiu para várias plataformas, inclusive o Nintendo Switch, vamos falar Snake Pass.

Para falar desse tenso porém divertido jogo de sobrevivência, Jonny o Jogador Ocular e o Prefeito Vivacqua falam desta pérola do Early Access.

  • Data de lançamento inicial: 28 de março de 2017
  • Desenvolvedor: Sumo Digital
  • Estúdio: Sumo Digital
  • Modo: Jogo eletrônico para um jogador
  • Plataformas: PlayStation 4, Xbox One, Nintendo Switch, Microsoft Windows

Apoie o Padrim da Cidade Gamer

 

Clique para comprar a caneca do Torbjorn de Overwatch

Este projeto só foi possível graças aos Padrinhos:

Flávio Camilo de Sousa Teixeira, William Duraut Pudell, Thiago Bertuzzi, Phylipe Brocco Anastácio, Gilmar Lima de Souza, Paulo Roberto Libardi, Suelen Nastri, David Vieira Nunes, Andre, João Henrique Dos Santos, Raphael Honda, Ricardo Maginador, Guilherme Sansoni, Drico DOliveira, Igor Benício de Mesquita, Ralf Rossini do Nascimento, Jackson Eduardo Homma, Rubens Mateus Padoveze, Renato Monteiro Ruiz, Diego Maeda Faquinello, Leon Borges E Silva, Thamise de Carvalho Farias, Gabriel Santana Novais, Carlos Eduardo Corsi Ferreira, Wagner Abril, Tuco Souza, Pedro Ernesto Bastos das Chagas, Ronne Telles dos Santos, Diego Magaiver Jahn e Patrick Buchmann.

Siga no Twitter:

Redes Sociais da Cidade Gamer

Coisas boas da Cidade Gamer:

Canecas da The Magic Box

Gostou do nosso podcast? Já conhecia nosso podcast? Já conhecia essas histórias? Não deixe de contar a sua! Adoramos receber emails, e todos aqueles que escrevem são nossos moradores pixelados. Deixe seu recado, opinião e crítica em nosso email, escreva para: podcast@cidadegamer.com.br

Compartilhe a Cidade

Comments

comments

  • Ygor Amaral

    Eu acompanhei o início do desenvolvimento do jogo, quando eles estavam apenas testando as mecânicas de gameplay na Unreal Engine 4 e nem tinha texturas no protótipo ainda. Queria poder postar o link da matéria porém foi há mais de 1 ano e no site em que vi não encontrei nada 🙁 Por fim o resultado final do jogo ficou extremamente agradável pelo visual e acho que pelo gameplay também. Tenho muita vontade de jogar, porém apenas no Switch que eu acho que o jogo combina muito mais, então vou ter que esperar hauuhauhau

  • Rubens Mateus Padoveze

    Fiquei doidinho e empolgado quando vi a simpatica cobrinha, mas a flata de $ e tempo vai fazer eu escolher o switch para jogar ele ou uma boa promoção.